segunda-feira, 14 de agosto de 2017

Arrependimento uma Palavra Esquecida !!!



Mateus 4:17

A palavra arrependimento está sendo esquecida e rejeitada em muitas igrejas hoje em dia. 

Não é popular falar de arrependimento, porque as pessoas não voltarão a igreja.
Mas ainda que seja anulada de alguns púlpitos, não foi anulada da Palavra de Deus. 
De fato a Bíblia tem muito a dizer com relação ao arrependimento.
Na Bíblia existe um mandamento para o arrependimento.
Se olharmos para a vida de Jesus, o primeiro sermão que Ele pregou foi a respeito do arrependimento.
Mateus 4:17 “Desde então começou Jesus a pregar: “Arrependei-vos, porque o reino dos céus está próximo”
A última mensagem que Jesus enviou a Igreja em Apocalipse 3:19, Ele também pregou arrependimento.
“Eu repreendo e castigo a todos quanto amo; sê, pois, zeloso e arrepende-te.” (Apocalipses 3:19)
E em Lucas 13:1-5 Jesus novamente pregou uma mensagem de arrependimento. “Naquela mesma ocasião, chegando alguns, falavam a Jesus a respeito dos galileus cujo sangue Pilatos misturara com os sacrifícios que os mesmos realizavam. Ele, porém, lhes disse: Pensais que esses galileus eram mais pecadores do que todos os outros galileus, por terem padecido estas coisas? Não eram, eu vo-lo afirmo; se, porém, não vos arrependerdes, todos igualmente perecereis. Ou cuidais que aqueles dezoito sobre os quais desabou a torre de Siloé e os matou eram mais culpados que todos os outros habitantes de Jerusalém? Não eram, eu vo-lo afirmo; mas, se não vos arrependerdes, todos igualmente perecereis.”
Duas vezes neste texto Jesus enfaticamente disse “eu vo-lo afirmo; mas, se não vos arrependerdes, todos igualmente perecereis.”

Neste texto havia uns que estavam falando de algumas pessoas que Pilatos havia matado e outros que morreram com a queda da torre de Siloé. 
E queriam saber que pecados tão terríveis estes haviam cometido para acontecesse a eles o que aconteceu.

Mas, em outras palavras Jesus lhes disse, que eles não haviam sido mortos porque eram mais pecadores que outros; e que o simples fato de que eles não estavam experimentando problemas em suas vidas, não significava que não teriam que arrepender-se.

Então, todos estamos chamados ao arrependimento. 

Mas, o que é arrependimento? 

Quero vos falar hoje, sobre o significado do arrependimento.

O arrependimento é mais que uma convicção.

A razão pela qual o arrependimento é mais que uma convicção, é porque você pode estar convicto do seu pecado e não arrepender-se.
Atos 24:25 “Dissertando ele acerca da justiça, do domínio próprio e do Juízo vindouro, ficou Félix amedrontado e disse: Por agora, podes retirar-te, e, quando eu tiver vagar, chamar-te-ei;”
Aqui podemos ver que Paulo pregou a Félix até que literalmente se espantou debaixo da convicção, mas, não se arrependeu.
Estava convicto, mas, não procedeu ao arrependimento.
Quantas pessoas sabem que são alcóolatras, drogadas, que estão pecando, mas não se arrependem.

O arrependimento é mais que uma confissão de pecado.

Você pode confessar teu pecado, mas de todas as formas não ter arrependido.
Existem vários episódios na Bíblia quando as pessoas literalmente disseram, “Eu tenho cometido pecado”.
Confessaram seu pecado, mas sem dúvida nenhum deles se arrependeu. Vejamos alguns exemplos:

Uma confissão de terror. Quando Deus enviou granizo e fogo ao Egito, Faraó disse. “eu pequei”. Mas em Êxodo 9:34 “Tendo visto Faraó que cessaram as chuvas, as pedras e os trovões, tornou a pecar e endureceu o coração, ele e os seus oficiais”

Uma confissão hipócrita. Balaão queria servir a Deus, mas também queria tirar proveito dos ganhos financeiros por debaixo dos panos. Quando a jumenta lhe falou, o preveniu da ira de Jeová, e em Números 22:34, “Então, Balaão disse ao Anjo do SENHOR: Pequei, porque não soube que estavas neste caminho para te opores a mim; agora, se parece mal aos teus olhos, voltarei” Mas, na realidade, ele nunca mudou, nunca se arrependeu.

Uma confissão pela metade. O rei Saul decidiu ficar com o despojo da guerra, e foi contra a ordem de Deus. Quando foi confrontado pelo profeta Samuel, Saul disse em 1 Samuel 15:24 “Então, disse Saul a Samuel: Pequei, porquanto tenho traspassado o dito do Senhor e as tuas palavras; porque temi o povo e dei ouvidos a sua voz” Saul disse “Pequei”, mas tinha uma desculpa por haver feito, não assumiu a responsabilidade por suas ações. Exemplo: O diabo me incitou a fazer…

Uma confissão elaborada. Também podemos falar de Acã na batalha de Jericó. Ele também como Saul tomou um despojo da guerra contra a ordem de Deus. Quando foi descoberto seu pecado, Acã respondeu em Josué 7:20 “… verdadeiramente pequei…”. Mas sua confissão foi elaborada, ele não estava realmente arrependido pelo seu pecado, ele estava arrependido porque o haviam surpreendido. Em outras palavras o surpreenderam com as mãos na massa e ele então elaborou um arrependimento.

Uma confissão desesperada. Judas confessou depois de ter traído a Jesus. Em Mateus 27:4 Judas disse “Pequei, traindo sangue inocente…” Mas isto foi unicamente uma confissão de remorso. O Arrependimento é mais que uma convicção ou confissão de pecado. Cada um destes homens usaram as palavras “Eu pequei”, mas nenhum deles se arrependeu.

O Arrependimento é uma mudança de coração.

Muitos dizem que o arrependimento é fazer um giro de 180 graus; mas sem dúvida a Bíblia diz que o arrependimento é dar meia volta do pecado para Jesus.
Existe uma ação negativa e positiva envolvida.
Paulo disse em Atos 20:21 que devemos estar “testificando, tanto aos judeus como aos gregos, acerca do arrependimento para com Deus, e da fé em nosso Senhor Jesus Cristo”

Você não pode arrepender-se a menos que dê meia volta e volte-se para Jesus Cristo.
Deves dizer a Deus que estás arrependido de teus pecados e então dar meia volta em direção a Jesus para perdão dos seus pecados.

Concluindo, o arrependimento é uma continua mudança de coração.
Devemos admitir que não é algo que fazemos uma só vez para ser salvos e então nos esquecer.

Arrependimento é uma crise seguida por um processo, vivemos arrependendo dia a dia.
Qual é a motivação para o arrependimento?
Porque todos somos pecadores Atos 17:30 diz “Mas Deus, não tendo em conta os tempos da ignorância, anuncia agora a todos os homens, em todo lugar, que se arrependam”

O arrependimento é a única maneira de remover a maldição da culpabilidade. Seu coração nunca encontrará paz, sem o arrependimento.

Isaías 57:20 diz “Mas os ímpios são como o mar bravo que se não pode aquietar e cujas águas lançam de si lama e lodo…” (Não pode encontrar descanso)
O arrependimento permite que a graça de Deus trabalhe em seu coração.

Deus te salvará, mas não podes estar agarrado ao pecado e a Jesus ao mesmo tempo. É hora de arrependimento!

sexta-feira, 28 de julho de 2017

Não quero perder a Fé...



Estou perdendo a fé. Estou fraco na fé. Estou sem fé. Muitas pessoas nos procuram com essa frase em meio as suas palavras. Pessoas que tem passado por tamanho sofrimento, tamanha dor, que já se cansaram de pedir uma resposta pra um Deus que nunca as responde, um Deus alheio as seus problemas, que te despreza e te coloca de lado, pessoas que olham e veem o quanto o vizinho não Cristão prospera, enquanto ela que crê em Deus não, ao contrário, ela, serva de Deus só tem dor e sofrimento.

Como não perder a fé? Como manter-se firme nos propósitos de Deus, tendo todos esse motivos e vários outros para perder a fé?

Vamos então, procurar as respostas para esse dilema na Palavra de Deus, vamos ler o livro de Daniel, mais precisamente capítulo 10, leia todo o capítulo, vou colocar aqui os versículos que quero destacar.

Naqueles dias eu, Daniel, estive triste por três semanas.
Alimento desejável não comi, nem carne nem vinho entraram na minha boca, nem me ungi com ungüento, até que se cumpriram as três semanas.
Daniel 10:2,3

Imagino que Daniel tenha passado por um momento bem desagradável, imagina, 3 semanas de jejum parcial, 3 semanas INTEIRAS de choro. Você também já passou por isso? Talvez você tenha vivido isso por mais tempo que ele, quanto tempo? Um ano? Dois anos? Mais que isso?

Conheço uma pessoa que também passou por uma provação muito grande mas não desistiu, e detalhe, ele passou por isso durante toda a sua vida, ou melhor, sua rápida vida, afinal, ele morreu com apenas 33 anos. Já sabe de quem estou falando, né? Sim, sim, de JESUS, mas não deve estar entendendo o que estou querendo dizer com uma vida de sofrimento.

Quero que você se lembre da profissão de Jesus: CARPINTEIRO. E o que um carpinteiro faz? Trabalha com madeira. Agora, quero que se lembre de mais um detalhe, Jesus sempre soube o destino d’Ele, sempre soube que morreria pregado em uma cruz, uma cruz feita de MADEIRA. Onde quero chegar?

Reflita comigo, a cada prego pregado a sensação de que um dia isso aconteceria com Ele. Quantas cruzes será que Jesus teve que fazer durante sua vida? Será que um dia ele disse: estou perdendo a fé? Que eu me lembre Jesus não desistiu, antes disso, como ovelha muda foi entregue ao matadouro.

Voltemos agora à Daniel. Ele passou por um momento bem difícil, mas não desistiu, não até que a resposta chegasse. Mas porque a resposta demorou tanto? Voltemos novamente à palavra Deus:

Então me disse: Não temas, Daniel, porque desde o primeiro dia em que aplicaste o teu coração a compreender e a humilhar-te perante o teu Deus, são ouvidas as tuas palavras; e eu vim por causa das tuas palavras.
Mas o príncipe do reino da Pérsia me resistiu vinte e um dias, e eis que Miguel, um dos primeiros príncipes, veio para ajudar-me, e eu fiquei ali com os reis da Pérsia.
Daniel 10:12,13

Desde o primeiro momento Deus enviou o anjo para responder a Daniel, mas acontece que o diabo queria que ele perdesse sua fé e enviou o príncipe do reino da Pérsia para que impedisse o anjo de lhe responder. Eu acredito que se Daniel dissesse: Deus não me ouve, Deus não me atende, estou perdendo a fé, a resposta não chegaria a ele (resposta esta que aparece no capítulo 11, pegue sua Bíblia e leia)

Irmão e Irmã, não desanime, a viagem pode parecer longa, mas Deus está contigo, esperando o momento certo para te abençoar e te dar a vitória, se no meio do caminho você recuar pode perder tudo o que já estava perto de alcançar.

E para concluir, a parte mais bonita dessa passagem, em minha opinião, é esta:

E me disse: Daniel, homem muito amado, entende as palavras que vou te dizer, e levanta-te sobre os teus pés, porque a ti sou enviado. E, falando ele comigo esta palavra, levantei-me tremendo.
Daniel 10:11

Homem muito amado, profundo isso. Deus quer lhe dizer a mesma coisa, portanto não desista e nem perca a sua fé.

Fique com Deus. E se estiver se sentindo fraco na fé, não deixe de deixar um comentário para que possamos orar por você.

domingo, 2 de abril de 2017

Oração para alguém que está desempregado/a ...

Deus Pai, no nome poderoso do vosso filho amado, o nosso Senhor Jesus Cristo eu lhe peço que o Senhor me liberte do desemprego. Senhor, no nome do Senhor Jesus Cristo, enviai para a minha vida o vosso maravilhoso Espirito Santo para que Ele ore em mim e para mim. Para que Ele derrube toda e qualquer barreira ou fortaleza que o inimigo possa ter colocado na minha vida financeira ou na minha vida profissional. Meu Deus e meu Pai, no nome do Senhor Jesus Cristo derrame sobre a minha vida as maravilhosas virtudes e qualidades que procedem unicamente do vosso maravilhoso e Santíssimo Espirito Santo. Ilumine os meus caminhos para que eu não venha a cair em nenhum golpe e que o Senhor coloque nos meus pés, na minha mente, no meu corpo e na minha boca tudo aquilo que eu tenho que pensar, agir e falar para poder conquistar o meu novo emprego.

Pai, no nome do Senhor Jesus Cristo, liberta-me de todo e qualquer espirito maligno de adultério, de roubo, de inveja, de feitiçaria, de prostituição, de vícios, de mentira, de más companhias, de rebeldia, de inveja, de ingratidão, de doença, de sofrimento, de incredulidade, de falta de perseverança, de infidelidade, de derrota, de desemprego, de autossuficiência, de idolatria, de desânimo, de derrota, de depressão, de fraqueza, de incapacidade, de avareza, de violência, de miséria, de destruição e de morte.

Meu Deus e meu Pai, no nome do nosso Altíssimo Senhor Jesus Cristo obrigado\a por me proteger de todos os ataques do maligno. Não permita jamais Senhor que os meus inimigos possam se aproximar e muito menos sugerir ou fazer qualquer tipo de mal para a minha vida, para a minha saúde, para a minha vida profissional e financeira e nem para a minha família.
Meu Deus e meu Pai, no nome do Senhor Jesus Cristo desde já eu lhe agradeço pelo seu maravilhoso amor, pela sua poderosa proteção e presença no meu novo emprego.

Amém e graças a Deus.

Oração pela família...

Deus Pai, no nome poderoso do vosso filho amado, o nosso Senhor Jesus Cristo eu lhe peço que o Senhor envie para a minha vida e para a vida de todas as pessoas da minha família o vosso maravilhoso Espirito Santo para que Ele cubra todos com saúde, segurança, amor, proteção, sabedoria e prosperidade.

Pai, no nome do Senhor Jesus Cristo, se for o caso, liberte a minha família de todo e qualquer espirito maligno de adultério, de doenças, de sofrimento, de pertubações, de inveja, de feitiçaria, de roubo, de prostituição, de ciúmes, de vícios, de mentira, de rebeldia, de incredulidade, de acidente, de sonolência, de falta de atenção, de desastre, de loucura, de infidelidade, de idolatria, de derrota, de azar, de desemprego, de autossuficiência, de avareza, de inveja, de violência, de miséria, de destruição e, principalmente do espírito maligno da morte.

Meu Deus e meu Pai, no nome do Altíssimo e Poderoso Senhor Jesus Cristo proteja a minha família de todos os ataques do maligno. Não permita Senhor que o inimigo possa se aproximar e muito menos sugerir ou fazer qualquer tipo de mal para mim e nem para ninguém da minha família.

Meu Deus e meu Pai é no nome glorioso do Senhor Jesus Cristo desde já eu declaro que só tu és Deus, e eu, de todo o meu coração lhe agradeço pelo seu maravilhoso amor e pela sua poderosa benção e proteção para todas as pessoas da minha família.

Amém e graças a Deus.

Oração poderosa contra a inveja...

Meu Deus e meu Pai, no nome glorioso do Senhor Jesus Cristo afastai da minha vida todas as pessoas que sentem ou que possam estar desejando qualquer tipo de sentimento de cobiça ou inveja sobre todas as coisas que me pertencem ou sobre todas as pessoas e sobre todos os bens materiais ou bens não materiais que o Senhor colocou na minha vida.

Senhor, eu lhe peço ainda que o Senhor proteja com braços fortes todos os meus relacionamentos, a minha vida sentimental, a minha vida profissional, o meu físico, a minha saúde, a minha mente, todos os meus bens, a minha vida material e a minha vida financeira.
Meu Deus e Senhor, no nome Poderoso do Senhor Jesus Cristo, aumentai a minha fé para que eu compreenda de uma vez por todas que, mesmo que alguém possa estar sentindo ou desejando qualquer tipo de sentimento de inveja ou cobiça, o Senhor, o Senhor Jesus Cristo e o seu maravilhoso Espírito Santo sempre estarão presentes na minha vida e no meu coração para me proteger e me livrar de todos os meus inimigos, pois eu confio de todo o meu coração que onde a Santíssima Trindade habita o mal não prevalece.

Obrigado meu Deus e meu Pai. No nome Glorioso do vosso Filho, o Senhor Jesus Cristo desde já eu lhe agradeço porque o Senhor derramou sobre mim e sobre a minha família, sobre o meu emprego e sobre todos os meus bens materiais ou não, a vossa proteção e o seu Poderosíssimo Espirito Santo.
Obrigado Pai, no nome do Senhor Jesus! Desde já eu lhe agradeço pela sua proteção e livramento. Amém e graças a Deus.

Oração de cura e libertação espiritual...

Meu Deus e meu Pai, no nome Poderoso do Senhor Jesus Cristo enviai para a minha vida o vosso Santíssimo e poderosíssimo Espirito Santo para que eu e a minha família sejamos totalmente libertos, de todas as influências malignas que nós herdamos das nossas famílias, dos nossos antepassados ou que vieram por causa de alguma herança espiritual, maldições de família, trabalhos de magia negra, feitiçaria, inveja, cobiça ou por causa dos nossos próprios pensamentos, palavras, erros e atitudes do passado, do tempo que nós ainda não conhecíamos o vosso Santíssimo e maravilhoso nome.

Pai, no nome seu filho amado, o nosso Glorioso Senhor Jesus Cristo eu te peço que o Senhor tenha piedade e misericórdia de nós e retire dos nossos corações toda maldade, pensamentos, palavras e atitudes que são diretamente influenciadas por espíritos malignos.

Meu Deus e meu Pai, no Poderoso nome do Senhor Jesus Cristo eu peço que o Senhor repreenda e expulse da minha vida e da vida de toda minha família todos os demônios que vieram, ou que foram mandados por causa de trabalhos de macumba, magia negra, espiritismo, vodu, feitiçaria, satanismo, simpatia ou qualquer outro tipo de manifestação maligna de espíritos de demônios que foram realizados em: terreiros, ruas, praças, terrenos, cemitério, templos, cachoeira, encruzilhada, mata, mar ou qualquer outro tipo de lugar que tenha sido previamente, ou não, consagrado a quaisquer espíritos do mal. Pai, no nome Vitorioso do Senhor Jesus Cristo extermine completamente toda legião de demônios do mal, principados, potestades, legiões ou grupos de espíritos baixos e derrotados de qualquer idade, espécie, tamanho, quantidade e qualidade que foram enviados para as nossas vidas para nos causar: rebeldia, irritação, nervosismo, arrogância, autossuficiência, incredulidade, violência, sadismo, masturbação, roubo, prostituição, vícios, mágoa, rancor, ódio, intolerância, adultério, assassinato, traições, vaidade excessiva, depressão, confusão mental, cansaço físico e mental, idolatria, perseguições, avareza, pobreza, desemprego, miséria, preguiça, desânimo, roubo, suicídio, insônia, tumores, canceres, síndrome do pânico, consumismo exagerado, dores misteriosas, portas fechadas, amarrações, brigas no trânsito, brigas na família, falta de sabedoria, miomas, inchaços, diabetes, pressão alta, obstrução, cegueira, surdez, dificuldade para andar, para falar ou para se movimentar, abandono de família, desastres, vozes, zumbidos, auto estima baixa, problemas no coração, problemas nos ossos, fofoca, cobiça, ciúmes, inveja, maus negócios, falência, arrepios, espírito de derrota, de sofrimento, de carência, de humilhação, calúnia, dores de cabeça, vômitos, tonturas, doenças no sangue, brigas, acidentes, vingança, inveja, fofoca, inimizade, dependência física ou química, ou qualquer outro tipo de obra do mal que tenha sido enviada unicamente com o objetivo de nos causar dor, sofrimento, destruição e morte.

Meu Deus e meu Pai amado, no nome do Senhor Jesus Cristo eu peço que o Senhor liberte a mim, e toda minha família de toda e qualquer influência diabólica que possa estar agindo em todas as áreas das nossas vidas.

Pai, no nome do Seu filho amado, o nosso Senhor Jesus Cristo, eu peço ao Senhor que o Senhor derrame sobre mim e sobre toda a minha família o vosso Poderosíssimo Espirito Santo e bênçãos sem medidas para que todas as portas das nossas vidas sejam totalmente abertas e livres de toda influência do mal.

Meu Deus e meu Pai, no nome do Senhor Jesus Cristo desde já eu agradeço ao Senhor pela maravilhosa e poderosa libertação pessoal, espiritual, emocional, sentimental, física e financeira que o Senhor fez na minha vida e na vida de toda minha família.

Amém e graças a Deus.

Mensagem para quem cuida da vida dos outros...

Procureis viver quietos, tratar dos vossos próprios negócios, e trabalhar com vossas próprias mãos, - 1 Tessalonicenses 4:11

O Apóstolo Paulo nos orienta para que cada um de nós cuide da sua própria vida. Não é muito difícil saber o porquê de ele ter recomendado isso. Ora, se cada um de nós já temos grandes dificuldades em cuidar das nossas próprias vidas como é que nós podemos ainda cuidar bem da vida dos outros.

Nós só devemos cuidar da vida de alguém quando isso é algo natural ou quando é – verdadeiramente - para o bem do outro. Isso se aplica no caso de uma mãe ou de um pai quando da educação dos filhos. De uma pessoa ,verdadeiramente amiga, quando do aconselhamento de alguém que não está num bom caminho. Outra situação é quando uma pessoa idosa, que já não consegue cuidar de si mesma, e necessita de cuidados. Enfim, essas e outras situações parecidas.

Na palavra de Deus existe uma passagem muito interessante onde podemos ver uma pessoa cuidando, indevidamente, da vida do outro. Vamos observar:

Veio, pois, Jesus seis dias antes da páscoa, a Betânia, onde estava Lázaro, a quem ele ressuscitara dentre os mortos. Deram-lhe ali uma ceia; Marta servia, e Lázaro era um dos que estavam à mesa com ele. Então Maria, tomando uma libra de bálsamo de nardo puro, de grande preço, ungiu os pés de Jesus, e os enxugou com os seus cabelos; e encheu-se a casa do cheiro do bálsamo. Mas Judas Iscariotes, um dos seus discípulos, aquele que o havia de trair disse: Por que não se vendeu este bálsamo por trezentos denários e não se deu aos pobres? Ora, ele disse isto, não porque tivesse cuidado dos pobres, mas porque era ladrão e, tendo a bolsa, subtraía o que nela se lançava. João 12:1 a 6

Nessa passagem Judas se intromete numa situação que não tinha nada a ver com ele. A situação envolvia Jesus e Maria. Maria estava fazendo uma oferta a Jesus e Jesus estava recebendo a humilde doação de Maria. Portanto, fica muito claro que, ao comentar algo a respeito do que estava acontecendo, Judas, sem ser chamado, acabou se metendo na vida de Jesus e também na vida de Maria.
Muito bem. Nessa passagem uma coisa nos chama muita à atenção: a falsidade de intenção que motivou Judas a se intrometer na vida alheia.

Aqui está à chave da nossa mensagem de hoje:

A pessoa que gosta de ficar se metendo na vida alheia sem ser chamada é uma pessoa que está dominada pelo espirito da mentira e pelo espirito maligno da falsidade. Quando alguém resolve se intrometer indevidamente na vida do outro, essa pessoa certamente está com outras motivações além daquela de simplesmente ajudar.
É como observamos na passagem bíblica. Judas aparentemente queria se passar por bonzinho e queria mostrar uma razão nobre para o seu comentário, mas a verdadeira razão estava encoberta. O verdadeiro motivo estava, secretamente, sendo sugerido e manipulado pelo pai da mentira e da falsidade.

É muito importante que atentemos para esse tipo de situação onde uma pessoa nos aborda para, indevidamente, falar de alguma coisa sobre a nossa própria vida ou para falar da vida de alguém que é próxima a nós.

Devemos sempre ficar com os dois pés atrás com esse tipo de pessoa, pois assim como Judas, são pessoas que estão sendo manipuladas pelas forças do mal com o intuito de levarem a mentira, a falsidade, a fofoca e a destruição.

Amém e graças a Deus. Fique na paz do Senhor Jesus Cristo.

Carta do amor de Deus

Deus pai nos ama com o seu infinito amor. entretanto muitos ainda se perguntam se o nosso Deus e Pai existe? Se Deus liga para eles? Outros dizem que Deus não se importa com eles, que Deus não existe ou que Deus os abandonou nesse mundo de dor e sofrimento.
Por isso o nosso Deus de Amor nos enviou essa maravilhosa carta para que possamos conhecer um pouco mais dos mistérios e do imenso amor que Deus tem por cada um dos seus filhos amados.


Meu filho...

Você talvez não Me conheça... (Sl 139:1)
Mas Eu sei tudo sobre você.
Eu sei quando se senta e quando se levanta (Sl 139:2)
Eu conheço todos os seus caminhos (Sl 139:3)
E até cada um dos fios dos seus cabelos são contados por Mim (Mt 10:29-31)
Porque você foi criado à Minha imagem... (Gn 1:26-27)
Em Mim, você vive, anda e existe (At 17:28)
Pois você é Minha continuidade
Eu já lhe conhecia mesmo antes de você ser concebido (Jr 1:4-5)
Porque Eu escolhi você quando planejava a criação... (Ef 1:4)
Você não é um erro.
Porque todos os seus dias estão escritos em Meu livro (Sl 139:14-16)
Eu determinei o momento exato do seu nascimento
E onde viveria (At 17:26)
Você foi feito de uma forma admirável e maravilhosa (Sl 139:14)
Eu o criei e cuidei no ventre de sua mãe (Sl 139:13)
E o tirei do ventre no dia em que você nasceu (Sl 71:6)
Eu tenho sido mal representado por aqueles que não Me conhecem (Jo 8:41-44)
Mas não Estou ausente ou zangado (I Jo 4:16)
pois sou a expressão completa de amor
E é Meu desejo derramar todo o Meu amor em você (I Jo 3:1)
simplesmente porque você é Meu filho e Eu Sou seu pai.
Eu ofereço a você mais do que seu pai terrestre poderia oferecer (Mt 7:11)
porque Eu Sou o Pai perfeito... (Mt 5:48)
Cada graça que você recebe vem de Minhas mãos, pois Eu sou seu provedor e supro todas as suas necessidades (Mt 6:31-33)
Meu plano para o seu futuro tem sido sempre cheio de esperança (Jr 31:17; Cl 1:5,27)Porque Eu te amo com um amor eterno (Jr 31:3)
Meus pensamentos sobre você são incontáveis como a areia na praia (Sl 139:17-18)E Eu me regozijo sobre você com cânticos (Jr 3:17)Eu nunca vou parar de fazer o bem para você (Jr 32:40)
Porque você é Meu tesouro mais precioso (Ex 19:5)Eu desejo te estabelecer com todo Meu coração e toda Minha alma (Jr 32:41)E quero te mostrar coisas incríveis e maravilhosas (Jr 33:3)
Se você Me buscar com todo o seu coração, você Me encontrará. (Jr29:13)
Se deleite em Mim e Eu darei a você os desejos do seu coração (Sl 37:4)
pois fui Eu quem colocou esses desejos em você (Fp 2:13)
Eu Sou capaz de fazer mais por você do que podes imaginar(Ef 3:20) pois
Eu Sou o seu maior encorajador (2Ts 2:16-17) 
Sou também o Pai que conforta você em todas as suas dificuldades (2Co 1:3)
Quando seu coração está partido Eu estou perto de você (Sl 119:28)
Como um pastor carrega um cordeiro (Is 40:11)
Eu carrego você perto do Meu coração.
Um dia Eu enxugarei todas as lágrimas dos seus olhos(Ap21:3-4) e Afastarei de você toda a dor que tenha sofrido nesta terra...
Eu Sou o seu Pai (Jo 1:12-13) e
Eu amo você assim como ao Meu Filho Jesus. Pois em Jesus,
Meu amor por você é revelado (Jo 17:22-26)
Ele é a representação exata do que Sou (Hb 1:3)
Ele veio para demonstrar que Eu estou contigo, e não contra ti(Jo 3:17)
e também para dizer a você que Eu não estou contando os seus pecados Jesus morreu para que você e Eu pudéssemos nos reconciliar.
Sua morte foi a expressão suprema do Meu amor por você(Jo 3:16)
Eu desisti de tudo que amava para que pudesse ganhar o seu amor e,
se você receber a Palavra do Meu Filho Jesus, você irá Me receber!
E nada poderá separar você do Meu amor outra vez...
Venha para casa e Eu vou fazer a maior festa que o céu já viu(Lc 15:7)
Eu sempre fui um Pai e sempre serei Pai...
A Minha pergunta é: você quer ser Meu filho? (Jo 1:12-13)
Eu estou esperando por você... Deus (Lc 15:20-24)

Eu te Amo! Seu Pai Querido, o Deus Todo Poderoso!

quarta-feira, 29 de março de 2017

BUSCANDO LUGARES ALTOS...

Buscando Lugares altos

“Mas aqueles que esperam no SENHOR renovaram as suas forças. Voam alto como águias; correm e não ficam exaustos, andam e não se cansam.” 

IS 40:31 

Hoje estou me sentindo em lugares altos, no centro da vontade de DEUS, pois eu não estaria aqui se não fosse a vontade Dele.

Amados, nessa semana fiquei a pensar, o que tenho buscado para a minha vida, o que tenho feito para mudar. Tenho me sentido muito parado, na minha, sem nenhuma expectativa. Fico semanas sem ver ninguém além do minha esposa e filho.O que eu tenho feito para alcançar meus objtivos, chegar a lugares altos. Senti na pele isso nesses dias que fiquei em casa, não é por estar doente não, se deixar fico assim dias e dias.

Senti um vazio muito grande e comecei a me analisar. Porque estou parado, não consigo me mover nem a meu favor.

Há exatamente quatro anos estou assim. Sei que tem pessoas aqui que já ouviram e outras que vivenciaram esses acontecimentos. Primeiro foi a separação, logo depois passei a viajar por todas as partes evangelizando e em muitas igrejas vivenciei a podridão dos mercenários da fé, depois fui parar em um acampamento dos sem terra, onde eu tive um lugar para morar e para falar da palavra de Deus. 

Essa semana quando me lembrei de tudo que passei, vi que DEUS nunca me deixou só, e que a escolha foi minha de ficar sozinho. E com essa escolha dava uma de coitado. Ninguém se importa comigo, com o que eu estou passando. E passando foi o tempo e eu na mesma, deprimido e só.

Senti-me como uma águia no ninho mais com asas amaradas, presas me impedindo uma renovação me impedindo de alçar vôos, ficava no ninho literalmente. Muitas vezes eu até quis sair dessa, busquei, o Senhor falou, mais nada mudou.
Eu escolhi ficar no ninho. Sem expectativa, esperança. Muitas vezes até me levantei, tomei atitudes como: orar vim a igreja, contar para algumas pessoas o que estava acontecendo mais isso era só para arrumar o ninho e voltava para ele ficava lá paralisado. Mas amados hoje é O DIA de quebrar todas as amarras em nome de JESUS.

Em uma busca dessas com Deus. Ele me mostrou que eu não podia desistir se eu quisesse chegar a lugares altos. Uma vida de intimidade com Ele, Um casamento firmado na palavra do Senhor, de ser um homem temente e firme, ter uma vida profissional de sucesso. Coisas amados que sonhamos e desejamos para nossa vidas. 
E viver eternamente ao lado do meu salvador. Que é um dos lugares mais altos que queremos chegar.
Vou contar algo que DEUS usou para falar comigo:

Eu estava na praia com no interior de São Paulo, e  subi o morro para orar, quem já foi sabe que não é fácil a subida. Como também não é fácil caminhar na presença de Deus, são tantos desafios que pesamos em desistir, pois foi isso que me deu várias vezes quando estava subindo o morro. Deus foi tão claro ali naquele lugar que até me senti nas nuvens com sua presença, Mais ali eu percebi, tinha tomado uma decisão. Subir o morro.

Eu continuei a subir, pois queria ver como era lá em cima. Nada que aconteceu lá me fez desistir, minhas pernas tremiam sem resistência, eu suava bicas, o sol de verão na cuca, sem água pra beber. Mas mesmo assim continuava. Dava umas olhadas para trás, mas na memória vinha às fotos que já tinha visto de pessoas que tiveram lá em cima. E falava para mim mesmo é muito lindo lá, eu quero chegar lá, eu quero estar lá, eu quero viver esse momento.

Mais amados isso tudo naquele momento não fazia sentido para mim, pelo menos o sentido que DEUS queria. Hoje eu entendo que tudo aquilo que passei com aqueles acontecimentos é para honra e glória ao SENHOR. Ele queria me mostrar que aqui nada é eterno tudo é passageiro. E ele me mostrou ali naquela subida que dificuldades e obstáculos têm que ser enfrentados e vencidos para chegar ao nosso objetivo, ou em algum lugar.

E para isso temos que enfrentar todas as aflições desse mundo. Para chegarmos a lugares altos, primeiramente temos que confiar em DEUS que nunca nos deixa só, buscar, enfrentar as dificuldades. 

Pular montanhas que são problemas do nosso dia-dia, quebrar barreiras que surgem em nossa frente nos impedindo de prosseguir, sacudir a poeira de uma decepção, perdoar o irmão, tirar as magoas do coração. E seguir em frente rumo ou nosso objetivo. 

Que é ter uma vida de conquista e plena com DEUS.

FÉ...


 "Ora, o Senhor disse a Abrão: Sai-te da tua terra, da tua parentela e da casa de teu pai para a terra que eu te mostrarei".


Gênesis 12:1

Buscar palavras para explicar a fé não seria possível, pois defini-la em sua totalidade por meio de uma ou algumas palavras não seria sábio. A fé ultrapassa a fronteira d’aquilo que é natural; ela supera qualquer expectativa que temos em relação ao futuro. A fé precisa ser algo revelado a nós pelo próprio Deus para que alcancemos seus fins.

A fé amplia horizontes, ela limita o impossível, tornando palpável tudo o que antes estava no meio do nada; ela torna alcançável o que antes estava limitado pelo medo de fazer, de realizar; ela projeta, lança sonhos em alvos distantes tornando-os possíveis de serem alcançados; a fé move a mão de Deus a nosso favor; a fé desperta nossa capacidade de realizar, de conquistar...

A fé é substância, é concreta, é real.

É substância por que é base, é alimento, é matéria prima para milagres.
É Concreta por que podemos tocá-la, vivê-la, inspirar-se nela, lançar-se sobre ela.
É real por que a vivemos todos os dias; andamos nela, esperamos nela, cremos através dela.
Nada pode impedir um homem de ser usado por Deus (a não ser ele mesmo – o homem); nem sua cor, sua nação, sua condição social, sua idade. Abrão tinha exatos setenta e cinco anos quando recebeu seu chamado. O interessante de tudo isso foi a sua disposição em atender ao chamado de Deus imediatamente.

Notemos alguns detalhes no chamado de Deus, ao ainda Abrão (Pai engrandecido), depois Abraão (Pai de multidões). Cada palavra contida no texto nos dá a idéia de que a fé revelada é resultado do abandono (abrir mão) de algumas condições que sustentam nossa vida. Isso não quer dizer que Abrão abandonou, desprezou sua família, amigos e sua vida passada. Pelo contrário, ela passou a ser um instrumento de Deus no ambiente onde nasceu, viveu e fez amigos. Prova disso é que Ló sendo idólatra abandonou suas práticas, devido á decisão de Abrão em ouvir a voz de Deus e o seguiu.

Observe o texto:

“Ora, disse o Senhor a Abrão: Sai-te da tua terra, e da tua parentela, e da casa de teu pai, para a terra que eu te mostrarei”. – Gênesis 12: 1

Deus não quer que ninguém abandone sua família por qualquer que seja a razão. A família é à base da Igreja e da sociedade como um todo. Quando Jesus disse que deveríamos abandonar pai e mãe por amor a ele (Mt:10:37), sua palavra estava no sentido de amar menos, ou seja, tê-lo como Senhor e Salvador, em vez de ter no pai ou na mãe, filho ou filha, ou qualquer outro objeto de devoção que produzisse qualquer tipo de segurança a nível de dependência para a vida eterna.

Vejamos que não há coincidências na palavra. Tudo gira em torno do Senhor Jesus; d’ Ele, por Ele e para Ele. (Jo: 1: 1).

Terra – Não está ligado diretamente á terra, mas ao ambiente onde foi criado. Sua história de vida, amigos, suas primeiras descobertas... Deixar todas essas coisas não seria fácil. Me lembro quando saí de casa aos vinte três anos; deixar meus amigos de infância, minha vida, não foi nada bom! Deus nos convida a viver uma fé nesse nível de “abandono” para Ouví-lo.

Parentela – Pai e mãe são e sempre serão um porto seguro em momentos de tormenta, mas nunca deverão estar acima do Senhor, pois somente Ele é que amamos e confiamos. Quando o Senhor pede que Abrão deixe sua parentela, Ele o estava elevando a um nível de fé que produzirá um crescimento sem precedentes. Entendermos isso fará de nós homens e mulheres prontos para o uso do Senhor.

Casa de teu pai – Muitos acreditam não serem idólatras por que não adoram imagens ou por que não são devotos do “santo” A ou B, e se esquecem que idolatria não tem nenhuma relação com isso. Vemos em Abraão uma idolatria que não estava relacionada a nenhum desses fatores. Seu coração deixou Deus em segundo plano e passou a dar lugar a um amor que não era direcionado a Deus e sim a Isaque. Neste momento o Senhor pede a Isaque em sacrifício. Pois Abraão precisava decidir onde estava seu coração. Muitas vezes acreditamos que o Senhor é nosso Deus, mas estamos ainda na casa de nosso “pai”, colocando Deus em segundo lugar por coisas insignificantes que precisam subir a Moriá para testar a nossa fé.
A fé é substancial, ou seja: A palavra substância está ligada a nutrição, alimento, base. “Sem fé (substância - alimento) é impossível agradar a Deus, pois todo aquele que Dele se aproxima é necessário que creia que ELE existe e que é galardoador dos que o buscam”. – Hb. 11: 6.

É através da fé que o Senhor nos usará, é através fé que conquistaremos o que propomos ao Senhor, é pela fé que alcançaremos vidas para reino, é através da fé que seremos conhecidos.

É através da fé que os milagres de Deus serão realizados, é através da fé que O veremos um dia.

O PROBLEMA...



O problema

Você tem problemas?

Que bom!

Então você esta prestes a se tornar um agente de mudanças para você mesmo, para outros, e quem sabe para a humanidade. Sim! É isso mesmo!

Entenda que todo problema nada mais é do que uma fonte de inspiração na busca de resolvê-lo. Lembre-se: Todo problema tem solução; se não tiver solução logo não é problema.

Todos os objetos, utencílios, vestuários foram desenvolvidos a partir de um “problema”.
Em nossa vida não é diferente. Se temos um problema a nossa frente, temos a necessidade de romper com ele, e vencê-lo.

Tomando por base a vida humana, veremos que durante boa parte de nossa existência, gastamos nossas energias para resolvermos problemas diários. Isso se torna um círculo sem fim, pois o homem não sabe viver sem um “problema” para ter motivação para alimentar esta grande engrenagem chamada existência.

Se não existir um problema este círculo para. São eles (os problemas) que faz a roda girar. E por falar em roda, uma das maiores invenções da humanidade, surgiu graças a um “problema”. A dificuldade de se transportar coisas sobre os lombos dos animais já estava causando tantos “problemas” que os homens precisavam de outra maneira de transportar coisas. Essa necessidade surgiu trazendo como solução a roda que hoje conhecemos. Assim, vemos que todo “problema” é em potencial uma forma de nos motivar a algum tipo de mudança. Isso aplica-se também á nossa vida.

Como conseguiríamos trocar a roda de um carro se não tivéssemos um macaco, uma chave de rodas, parafusos...

O que quero dizer é que, todas as vezes que um “problema” for resolvido, surgirá outro em decorrência da solução anterior, ou seja: Uma solução gerará um problema, que gerará uma solução, que gerará outro problema, que gerará outra solução, e assim por diante.

O Cataflan surgiu por causa do problema da cefaléia. E o absorvente... O guarda chuvas surgiu para solucionar o “problema” de nos molhar. Em fim, seja qual for o problema ele nos inspirará.

Você que esta lendo este texto esta passando por um problema nesse momento? Pense que a solução dele depende somente de você.
Quer vencê-lo? Vou dar-lhe uma dica, aliás algumas dicas para que seja colocada em prática já.
Esses princípios o ajudarão a entender o processo benéfico do “problema”. Aviso! Eles não terão o resultado esperado se você não for paciente, pois todos os “problemas” demandam tempo para serem solucionados.

Primeiro princípio.

- Decisão.
Quando os problemas surgem, a primeira coisa a fazer é tomar a decisão de vencê-los. Ser otimista e encarar o “problema” como um desafio, um obstáculo a ser vencido.
Segundo princípio.

- Atitude.

Ter atitudes pensadas que facilitam o processo. Olhe para o “problema” e diga: O que posso estar aprendendo com ele? Como posso usá-lo para meu crescimento? O que ele estará me dizendo? Determine a você mesmo que o problema é menor em relação á sua vontade de vencê-lo.

Terceiro princípio.

- Alvo.
- Todo maratonista tem diante de si um “problema”, a distância a ser percorrida. Para vencer, ele precisa ter um alvo, a linha de chegada. Ele decide, toma atitude, mira o alvo e corre... O seu alvo determinará o sucesso ou o fracasso sobre o problema.

Não há fórmulas mágicas para a solução de problemas. Até por que eles existem para tornar a vida algo que valha a pena. Sem essa adrenalina produzida por eles não teríamos TV’s de LED ou LCD, não teríamos carros confortáveis para nos locomover, não teríamos a facilidade de um analgésico.

Toda resolução de um problema demanda suor, e em alguns casos, lágrimas. Mas eles existem e estão aí, todo o tempo, em todo lugar a nos rodear. O que faremos então? Deixaremos nos sucumbir por eles, ou nos levantaremos e os venceremos? Eu prefiro lutar e vencer!

Lembre-se dessa célebre frase de meu velho e sábio pai; “Todo problema tem solução; se não tem solução não é problema”.

Você é um vencedor nunca deixe ninguém dizer o contrário.

TRÊS PASSOS PARA A MULTIPLICAÇÃO...

“Saindo da acomodação para viver a multiplicação”

Três passos para a multiplicação

Texto base: João 21: 1 a 6

A cada passo dado pela igreja, ele tem de conduzido pelo Espírito Santo. A igreja precisa caminhar sob esta direção, caso isso não aconteça, todo o projeto de Deus para ela se tornará inútil e estará fora do propósito para qual ela foi designada e tornará o sacrifício de Jesus totalmente nulo. A igreja é viva, e precisa mostrar isso. Como? Através dos frutos que produz. Que frutos são esse? Em primeiro momento, mas não o único, são almas para o reino.

Alguém precisa de algo que Deus colocou dentro de você.

O futuro de alguém esta em tuas mãos neste momento. Pense nisso.

Igreja que não gera vidas para o reino esta estagnada em si mesma, acomodada, satisfeita com o que conseguiu, isso é um perigo!

Jesus sempre fez questão de mostrar aos seus discípulos que essa verdade não poderia ser questionada e nem tão pouca esquecida, pois a igreja é um organismo vivo e como tal precisava e precisa produzir vida.

Quem esta vivo produz vida, produz esperança, produz sonhos... Quem está morto nada produz.

O texto base para este sermão nos mostra os discípulos de Jesus, como podemos dizer, meio desanimados acerca de tudo em acreditavam a dispeito do que lhes foi ensinado por seu mestre. Isso nos mostra uma igreja sem perspectivas de um futuro sem fé nas promessas de Jesus. É um caminho perigoso.

Vamos aos fatos.

Os discípulos voltaram a fazer o que faziam antes, ou seja, perderam o foco, desanimaram. Mas havia algo neles desde sempre que chamava atenção de Jesus e que foi e é crucial para o crescimento da igreja do Senhor.

1. UNIDADE. “...estavam juntos...” (João 21: 2). Mesmo que os discípulos não estivessem com o foco voltado para o crescimento da igreja, eles estavam juntos e focados em outros objetivos, isso faz toda a diferença no reino de Deus. Foi preciso então que o Senhor Jesus colocasse a locomotiva de volta aos trilhos para que ela seguisse seu caminho. O forte dos discípulos era sem dúvida a unidade, o forte da igreja nos dias atuais tem de ser a UNIDADE. (João 17: 21).

2. ATITUDE. (João 21: 3). “Disse-lhes Simão Pedro: Vou pescar, Disseram-lhes eles: Também nós vamos contigo...”. A igreja para dar frutos precisa de homens e mulheres de atitude. Não basta ter um Pastor que seja um bom gestor de negócios ou de pessoas, esse Pastor para ter um rebanho produtivo precisa de pessoas de atitude. Pessoas com quem o Pastor possa contar. Gerenciar pessoas não é algo difícil, desde quer o gestor (Pastor) fale ou use o mesmo linguajar das ovelhas. “O ovelhês”. Esta simbiose produzirá frutos para o reino. (João 15:5).

3. CRER NA PROMESSA. (João 21: 6). “E ele lhes disse: Lançai a rede á direita do barco”. Crer na promessa, é não perder a esperança, é não desistir, é ver no tempo que passa uma oportunidade de amadurecer a promessa, é manter viva a chama do momento tão esperado acontecer. Veja que interessante; a promessa é completa e não nos deixa nenhuma dúvida sobre sua exatidão. As palavras de Jesus: “Lançai a rede á direita”. Que maravilha! Não era para lançar a rede de qualquer lado e nem de qualquer maneira, teria de ser jogada a direita do barco. Aqui esta um ouro para nossas vidas como ovelhas do rebanho do Senhor. Não podemos fazer a obra do Senhor de qualquer maneira, nem tão pouco do nosso jeito, mas dentro de uma direção do Espírito Santo. Quando fizermos isso nossas redes virão cheias de cento e cinquenta e três grandes peixes. O texto nos revela outro grande significado sobre a promessa de Jesus para sua igreja.

Veja.

Versículo 2- “Estavam juntos Simão Pedro (1), Tomé (2), Natanael (3), os dois filhos de Zebedeu, (Tiago e João [4|5), André irmão de sangue de Pedro (6) e Felipe (7). Haviam apenas sete de seus discípulos, isso é fantástico! O número sete na Bíblia é sem dúvida o número da promessa. Há uma linha imaginária no plano eterno de Deus que se segue por toda a Bíblia, ela esta presente nos momentos mais significativos e marcante da história bíblica. Não é diferente para a Igreja; a presença de sete discípulos do Senhor presente neste episódio nos mostra a confirmação da promessa do Senhor para sua Igreja, é como se ele estivesse dizendo em claras palavras o seguinte: “Não faltarão homens e mulheres juntos com atitude e crendo em cada palavra que eu estou dizendo” [Grifo meu].

Querido nosso tempo é hoje, nosso momento é agora, lancemos nossa rede ao mar. Estamos juntos, cremos nas promessas, talvez nos falte atitude. Mas isso será mudado. Precisamos voltar nosso foco ás palavras do mestre Jesus, assim como ele apareceu aos seus discípulos, ele esta entre nós na pessoa do Espírito Santo, nos fortalecendo e nos inspirando a conquistar o impossível pela fé.

Vamos sair da acomodação para vivermos a multiplicação pela promessa que nos foi feita.

O cumprimento da promessa de Deus para você e eu esta no final de uma vida de obediência.

A cruz é nosso referencial. É nela que temos o motivo para irmos ao mar e lançarmos nossas redes.

sexta-feira, 17 de março de 2017

Aprenda com Jesus a ganhar almas...


Jesus cresceu na cidade de Nazaré, onde viviam seus pais, irmãos e amigos. Foi lá também que Ele começou o Seu ministério. É normal esperarmos receber palavras de incentivo e reconhecimento das pessoas que são do nosso convívio - e com Jesus não poderia ser diferente. Mas não foi bem isso que aconteceu: os habitantes de sua cidade-natal estavam felizes com o que Jesus lhes ensinava, mas até certo ponto... Quando Suas palavras se tornaram mais duras e corretivas, aquelas pessoas ficaram tão furiosas que pensaram até em matá-lo. Veja:

"Todos os que estavam na sinagoga ficaram furiosos quando ouviram isso. Levantaram-se, expulsaram-no da cidade e o levaram até ao topo da colina sobre a qual fora construída a cidade, a fim de atirá-lo precipício abaixo" (Lucas 4:28-29). Jesus deve ter ficado tão decepcionado com a reação dos seus conterrâneos que nem quis se defender. "Jesus passou por entre eles e retirou-se" (Lucas 4:30).

Após isso, a Bíblia conta que Jesus foi para Cafarnaum, onde pregou para multidões, expulsou demônios e fez vários milagres no meio do povo. Então, as pessoas daquela região ficaram tão maravilhadas que não quiseram que Ele fosse embora: "Ao romper do dia, Jesus foi para um lugar solitário. As multidões o procuravam, e, quando chegaram até onde ele estava, insistiam que não as deixasse" (Lucas 4:42).

Quem não gostaria de ficar em um lugar onde todo mundo admira o que você faz e te enche de elogios? No entanto, Jesus sabia que seu lugar não era lá, e que havia outras pessoas que precisavam ouvir a sua Palavra. "Mas ele disse: "É necessário que eu pregue as boas novas do Reino de Deus noutras cidades também, porque para isso fui enviado" (Lucas 4:43).

Com isso, Jesus nos deixa uma lição muito importante: Ele não foi movido nem pela rejeição das pessoas, nem por sua aceitação. Ele sempre foi movido pelo Espírito Santo de Deus! Se eu e você aprendermos como seguir Jesus, independente se seremos aceitos ou rejeitados, então estaremos no caminho certo para cumprir o chamado do Senhor de alcançarmos outras pessoas.
O que fazer quando as pessoas nos rejeitam?

Alguma vez você já tentou ajudar alguém que não queria ser ajudado de jeito nenhum? É comum ficarmos chateados com isso, pois pensamos que, se fôssemos mais claros e convincentes em nossas palavras, elas poderiam aceitar a nossa ajuda. Mas, para ser sincero, essa não é a nossa responsabilidade e nos libertar do peso da culpa que isso gera em nós.

Veja qual foi a orientação de Jesus aos Seus discípulos nesses casos. Ele disse: "Se alguém não os receber nem ouvir suas palavras, sacudam a poeira dos pés, quando saírem daquela casa ou cidade" (Mateus 10:14). Isso significa que se alguém não quiser ser ajudado, devemos continuar orando por eles, mas não somos obrigados a tentar mudá-los. O mundo está cheio de pessoas necessitadas, carentes, perdidas, que gostariam de receber um pouco do amor e incentivo que você está disposto a doar. Então, quando alguém te rejeitar, não desanime nem desista do seu chamado, apenas faça o que fez Jesus - vá para aqueles que desejam o que você tem.
E o que fazer quando as pessoas nos querem muito?

Há outros momentos em que as pessoas não irão querer que você saia de perto delas, porque gostam muito de quem você é, e também do que você faz para elas. Com isso, é tentador ficar perto dessas pessoas que te admiram e te respeitam, pois elas realmente te valorizam. Mas, se você esolher ficar neste círculo, você não será capaz de alcançar outras pessoas necessitadas que Deus deseja colocar no seu caminho.

Se cada pessoa soubesse do potencial que tem em influenciar e fazer a diferença na vida dos outros, haveria um reavivamento genuíno no mundo inteiro! Então, é hora de você fazer a sua parte e começar a compartilhar o que Deus te deu. Assim como Ele disse a Abraão: "Farei de você um grande povo, e o abençoarei. Tornarei famoso o seu nome, e você será uma bênção? (Gênesis 12:2), Deus fará o mesmo através da sua vida!

Saia da zona de conforto e atenda o chamado de Deus...


"E disse Jesus: Sigam-me, e eu os farei pescadores de homens" (Marcos 1:17).

Se você quer experimentar as bênçãos de Deus de uma nova maneira, prepare-se para deixar a sua zona de conforto. Quando Jesus chamou os seus discípulos para O seguirem, eles estavam fazendo o que sabiam fazer de melhor: pescar. Mas eles não poderiam ficar lá e ao mesmo tempo seguir o Mestre. Da mesma forma, você também não pode achar que a sua vida continuará a mesma se você assumir um compromisso firme com Cristo! A Bíblia diz:

"Andando à beira do mar da Galiléia, Jesus viu Simão e seu irmão André lançando redes ao mar, pois eram pescadores. E disse Jesus: ‘Sigam-me, e eu os farei pescadores de homens'. No mesmo instante eles deixaram as suas redes e o seguiram" (Marcos 1:16-18).

Observe como eles tiveram que deixar a sua rotina e aquilo que os trazia segurança, para cumprirem o chamado de Deus.

E se você pensa que está velho demais para tentar algo novo, lembre-se que Abraão tinha 75 anos de idade quando deixou o conforto do seu lar para atender o chamado de Deus. Por isso, o que vale não é a sua idade, mas a sua fé. Entenda uma coisa: todos os dias você tem a oportunidade de avançar na caminhada com Deus e Ele revelará os Seus planos à medida em que você der os primeiros passos; então você não pode ficar parado onde está. Nós temos a tendência de nos apegar ao lugar que estamos e às coisas que já conquistamos, mas esse comodismo nos leva a parar de crescer e, consequentemente, se torna um lugar perigoso para estarmos.

Se você sente que Deus tem tocado o seu coração e você acredita que Ele tem algo a mais para você, é hora de enfrentar os seus medos, passar por cima deles e se lançar para uma nova experiência com o Pai, assim como Simão e André fizeram quando decidiram seguir a Cristo. Eles confiaram no chamado de Deus e suas vidas nunca mais foram as mesmas!

segunda-feira, 6 de março de 2017


“O sábio ouvirá e crescerá em conhecimento, e o entendido adquirirá sábios conselhos.”
Provérbios 1:5

Os tempos em que estamos vivendo, diria eu, estão “esquisitos”! Estão secos, áridos, anêmicos! Não podemos nos apartar um dia sequer da presença de Deus, pois será fatal! A única maneira de resistirmos firmes na fé – sem vacilar – é estarmos constantemente na presença de Deus! Nutrir uma comunhão diária em oração. Ouvir Sua doce voz, estando atentos às Suas precisas direções. Nos dias de hoje, ficar um dia sequer sem orar, ler e meditar na Santa Palavra é certificar-se que o diabo, o pecado e a carne terão ampla vantagem!

Dou-te algumas dicas:

Primeiro: Compreenda a graça de Deus! Sua situação boa ou ruim, fraca ou forte, não muda o amor de Deus por você. Tudo que você tem, faz e é, o é por graça! Em todos os seus momentos, tenham sido eles vitoriosos ou de derrotismo, Ele te sustentou por graça e continuará a sustentar-te sem que você mereça! A graça de Deus é a disposição mais sublime do Seu Ser, oriunda do Seu amor, em doar o Seu favor e sua bondade de forma imerecida a nós, pecadores.

Segundo: Mesmo não obtenho resultados imediatos ou visíveis, saiba que Deus está trabalhando. Ele não precisa necessariamente lhe mostrar que está trabalhando. NossoDeus trabalha no invisível e silenciosamente a maioria das vezes. Ele não se esqueceu de suas orações nem dos seus clamores mais íntimos e urgentes! Mesmo não percebendo ou vendo, Deus está agindo! Mesmos que você não sinta nada nas orações e nos cultos, esteja débil demais para buscá-Lo, Ele está agindo, operando em seu favor!

Terceiro: Viva por fé e não por vista. O justo vive da fé! Agora, como nunca antes, é tempo de viver pela fé, pois a travessia pelo deserto, passa pela sua pior fase: sol escaldante, sequidão, vazio e silencio! Mas nosso Deus está aí, pertinho, do seu lado, como aquela nuvem, para te guardar e te guiar. Calma! Logo, logo Ele quebrará o silêncio e te dará um pouquinho d’água e, quem sabe, até uma conversa com você?! Espere, confie e tenha fé! O importante é saber que o Deus que nos salvou é o Deus que nos guardará de todo mal; que estará conosco até o ultimo dia de nossas vidas. Venha o que vier, Ele sempre estará pronto a nos socorrer. Creia nisto!

E, por fim, tenha em alta consideração a volta de Jesus. Nenhuma outra geração esteve tão próxima desse glorioso acontecimento como a nossa. Aspire por isso. Agora não é hora de esperar tantas promessas quanto a essa terra – talvez muitas não se cumprirão… Elas darão lugar a maior promessa de todas: “A redenção do nosso corpo”! O encontro com Cristo nos ares! A extinção total do pecado, dor e sofrimento, em nossa glorificação! E tudo isso irmão, esteja certo, está muito próximo!

No amor de Cristo,

sexta-feira, 3 de março de 2017

A oração que vos transforma...

Leia abaixo o capítulo 2 do livro de Jonas. Veremos que uma oração transformou a vida de Jonas e o mesmo pode acontecer com você:

"Lá de dentro do peixe, Jonas orou ao Senhor, ao seu Deus. Ele disse: "Em meu desespero clamei ao Senhor, e ele me respondeu. Do ventre da morte gritei por socorro, e ouviste o meu clamor. Jogaste-me nas profundezas, no coração dos mares; correntezas formavam turbilhão ao meu redor; todas as tuas ondas e vagas passaram sobre mim. Eu disse: Fui expulso da tua presença; contudo, olharei de novo para o teu santo templo. As águas agitadas me envolveram, o abismo me cercou, as algas marinhas se enrolaram em minha cabeça. Afundei até os fundamentos dos montes; à terra cujas trancas estavam me aprisionando para sempre. Mas tu trouxeste a minha vida de volta da cova, ó Senhor meu Deus! "Quando a minha vida já se apagava, eu me lembrei de ti, Senhor, e a minha oração subiu a ti, ao teu santo templo. "Aqueles que acreditam em ídolos inúteis desprezam a misericórdia. Mas eu, com um cântico de gratidão, oferecerei sacrifício a ti. O que eu prometi cumprirei totalmente. A salvação vem do Senhor". E o Senhor deu ordens ao peixe, e ele vomitou Jonas em terra firme" (Jonas 2:1-10 NVI).

Quando Deus mandou Jonas pregar contra os pecados da cidade de Nínive, ele tentou fugir e embarcou em um navio que seguia para Társis, direção oposta à cidade a qual o Senhor havia mandado ir. Por causa dessa desobediência, Deus mandou uma enorme tempestade e a situação dentro da embarcação ficou tão desesperadora que o próprio Jonas pediu para que fosse atirado no mar, pois sabia que aquela tormenta havia começado por causa dele.

Imagine só a situação de Jonas. Ele causou problemas para si mesmo e foi jogado no fundo do mar, que com certeza, deve ser muito pior do que estar no fundo do poço. Talvez você esteja passando por uma situação muito difícil por ter se desviado dos caminhos de Deus e agora você pensa que nunca mais conseguirá sair dessa situação. Porém, assim como Deus agiu na vida de Jonas com misericórdia no meio de uma situação desesperadora, Ele também mudará a sua história!

A Bíblia conta que Jonas, após ter sido lançado no mar, foi engolido por um grande peixe e ficou lá por três dias. A vida dele, porém, começou a ser transformada quando, dentro da na barriga do peixe, ele decidiu fazer uma oração. Da mesma forma, Deus também pode mudar a sua vida através da oração. Você nunca está tão perdido que não possa ser encontrado! Deus pode te tirar das piores profundezas se você clamar a Ele. Contudo, para transformar uma vida, a sua oração precisa ter algumas marcas. Vejamos:
1) A oração precisa ter reconhecimento

A oração que Deus se agrada de ouvir é uma oração em que nos arrependemos e reconhecemos que, se não fosse a graça e misericórdia de Deus, nós estaríamos perdidos! Jonas reconheceu a sua desobediência que o fez chegar naquela situação difícil:

. Jonas reconheceu que estava angustiado com aquela situação: "Jogaste-me nas profundezas, no coração dos mares; correntezas formavam turbilhão ao meu redor; todas as tuas ondas e vagas passaram sobre mim" (Jonas 2:3).

. Jonas reconheceu que precisava voltar seu coração para Deus: "Eu disse: Fui expulso da tua presença; contudo, olharei de novo para o teu santo templo" (v.4)

. Jonas reconheceu que estava preso e que não conseguia sair daquela situação sozinho: "...as algas marinhas se enrolaram em minha cabeça" (v.5)

. Jonas reconheceu que antes disso tudo acontecer, o mundo estava lhe prendendo: "Afundei até os fundamentos dos montes; à terra cujas trancas estavam me aprisionando para sempre..." (v.6a)

. Jonas reconheceu que antes ele estava morto e agora Deus o havia despertado: "Mas tu trouxeste a minha vida de volta da cova, ó Senhor meu Deus!" (v.6b). A Bíblia diz que todos nós estávamos perdidos antes de conhecermos a Cristo:

"Vocês estavam mortos em suas transgressões e pecados, nos quais costumavam viver, quando seguiam a presente ordem deste mundo e o príncipe do poder do ar, o espírito que agora está atuando nos que vivem na desobediência. Anteriormente, todos nós também vivíamos entre eles, satisfazendo as vontades da nossa carne, seguindo os seus desejos e pensamentos. Como os outros, éramos por natureza merecedores da ira. Todavia, Deus, que é rico em misericórdia, pelo grande amor com que nos amou, deu-nos vida juntamente com Cristo, quando ainda estávamos mortos em transgressões - pela graça vocês são salvos" (Efésios 2:1-5).

"Por isso é que foi dito: "Desperta, ó tu que dormes, levanta-te dentre os mortos e Cristo resplandecerá sobre ti" (Efésios 5:14).

. Jonas reconheceu que era como os outros que haviam desprezado a Deus: "Aqueles que acreditam em ídolos inúteis desprezam a misericórdia" (v.8)

. Jonas, então, caiu em si: "Mas eu, com um cântico de gratidão, oferecerei sacrifício a ti. O que eu prometi cumprirei totalmente. A salvação vem do Senhor" (v.9).

Diante de tudo isso eu te pergunto: "Quanto tempo leva para a sua "ficha cair"? O que Deus precisa fazer para você reconhecer que é preciso buscá-Lo e obedecê-Lo? Volte seu coração hoje para Deus através de uma oração sincera!
2) A oração precisa ser intensa

Para que a oração mude a nossa vida, ela precisa ter intensidade. Não pode ser uma oração superficial, como aquelas que muitos de nós fazemos antes de comer ou dormir, só por desencargo de consciência. Veja:

"Lá de dentro do peixe, Jonas orou ao Senhor, ao seu Deus. Ele disse: "Em meu desespero clamei ao Senhor, e ele me respondeu. Do ventre da morte gritei por socorro, e ouviste o meu clamor" (Jonas 2:1,2)

Perceba que Jonas clamou ao Senhor. "Clamor" significa implorar com insistência em tom elevado de voz. É reivindicar o cumprimento de uma promessa com muita intensidade e certeza de que Deus está ouvindo. Eu imagino que o peixe não deve ter gostado de ter um homem gritando dentro do seu estômago, mas Jonas não estava nem aí. Ele queria ser salvo e liberto daquela prisão de qualquer maneira! A oração que transforma é uma oração que vem do fundo do coração. Jonas não estava dentro de um templo, ele estava num local errado, um lugar de desobediência, mas ainda assim, sua oração subiu aos céus! (v.7).
3) A oração precisa ter fé e obras

Nós vimos que Jonas se angustiou, se viu preso, distante, porém, chegou um momento em que ele parou de se lamentar: Ele disse: "Mas eu, com um cântico de gratidão, oferecerei sacrifício a ti. O que eu prometi cumprirei totalmente. A salvação vem do Senhor" (Jonas 2:9). Jonas colocou a sua fé em ação! Ele começou a agradecer a Deus por tudo e decidiu obedecê-Lo. Isso nos ensina que a oração que transforma pode até começar na alma, mas ela precisa acabar na FÉ!

"Meus irmãos, que aproveita se alguém disser que tem fé, e não tiver as obras? Porventura a fé pode salvá-lo?" (Tiago 2:14)

A mudança na vida de Jonas foi tão grande que ele não quis apenas sair da barriga do peixe, ou seja, sair do problema. Ele quis mudar de vida e se aproximar de Deus! É esse desejo de obediência que o Senhor espera de nós. Por isso, quero deixar uma pergunta para sua reflexão: "O que você quer? Mudar de vida, caminhar realmente com o Senhor ou apenas ficar livre dos problemas?" Pense nisso.

Deus nunca te levará para um caminho errado...


Às vezes o caminho da vida parece extremamente apertado e impossível de ser concluído. Muitas vezes não tenho forças, nem vontade para seguir a jornada e se pudesse, passaria o dia todo deitado em minha cama, sem sair do quarto. Mas então me lembro de que Deus já conhecia esse caminho muito antes de eu ser chamado para percorrê-lo. Ele sempre soube das dificuldades pelas quais eu passaria e a dor que eu não conseguiria explicar aos outros. O Seu Filho Jesus foi o primeiro a percorrer este caminho e por isso ele sabe do que tenho passado. Hoje Ele me oferece a Sua presença e amor, que são mais do que suficientes para mim.

Neste mundo em que vivemos, a mensagem que sempre ouvimos é esta: "Quem chegar primeiro é o melhor!" Porém Jesus disse que no Reino de Deus os valores são inversos. Não são os mais capacitados, espertos e inteligentes que alcançarão o favor de Deus, e sim, aqueles que reconhecem que sem Ele nada podem fazer. Por isso, ainda que pareçam ter ficado à beira do caminho, receberão a graça de Deus e força para completar a carreira. Quando o apóstolo Paulo estava se sentindo fraco e incapacitado por causa de um "espinho na carne", ele clamou a Deus por três vezes e ao receber Sua resposta, aprendeu que nos momentos mais difíceis é que ele estava mais forte. Veja:

"Então o Senhor me disse: A minha graça te basta, porque o Meu poder se aperfeiçoa na fraqueza. De boa vontade, pois, me gloriarei nas minhas fraquezas, para que em mim habite o poder de Cristo. Por isso sinto prazer nas fraquezas, nas injúrias, nas necessidades, nas perseguições, nas angústias por amor de Cristo. Porque quando estou fraco então sou forte." (2 Coríntios 12:9,10)

Talvez hoje você esteja oprimido por uma tristeza na alma. Ela pode ser o peso de um ministério difícil, a preocupação de um casamento problemático, a falta de um emprego, a tristeza de uma criança sofrendo, o cuidado de um parente envelhecendo, ou outros problemas que a vida apresenta. Então você diz: "Não é possível que Deus me faria viver dessa maneira. Deve haver outro caminho mais fácil de percorrer." Mas, alguém de nós é sábio o suficiente para saber que se tivéssemos uma vida melhor, seríamos filhos melhores e mais sábios? Não. O nosso Pai Celestial conhece o melhor de todos os caminhos possíveis para nos levar à realização.

Os caminhos do Senhor são muito mais altos do que os nossos caminhos e Seus pensamentos são mais altos do que os nossos pensamentos (Isaías 55:9). Podemos aceitar humildemente o caminho que Ele traçou para nós hoje e termos a absoluta confiança em Sua infinita sabedoria e amor. Ele é mais sábio e mais amoroso do que podemos imaginar. Se você tem orado pedindo por dias melhores e um futuro de paz e alegria, saiba que Ele não te desviará do caminho. Espere com paciência, sem murmurar, e no tempo certo, Ele agirá em seu favor.

Fale com Deus neste momento, assim como fez Davi neste lindo salmo:

"Em alta voz clamo ao Senhor; elevo a minha voz ao Senhor, suplicando misericórdia. Derramo diante dele o meu lamento; a ele apresento a minha angústia. Quando o meu espírito se desanima, és tu quem conhece o caminho que devo seguir. Na vereda por onde ando esconderam uma armadilha contra mim. Olha para a minha direita e vê; ninguém se preocupa comigo. Não tenho abrigo seguro; ninguém se importa com a minha vida. Clamo a ti, Senhor, e digo: "Tu és o meu refúgio; és tudo o que tenho que na terra dos viventes. Dá atenção ao meu clamor, pois estou muito abatido; livra-me dos que me perseguem, pois são mais fortes do que eu. Liberta-me da prisão, e renderei graças ao teu nome. Então os justos se reunirão à minha volta por causa da tua bondade para comigo". (Salmos 142)

A PALAVRA DE DEUS RESTAURA MINHA ALMA...

"Nem só de pão viverá o homem, mas de toda Palavra que sai da boca de Deus" (Dt. 8;3)

“Porque a palavra de Deus é viva e eficaz, e mais cortante do que espada de dois gumes, e penetra até ao ponto de dividir alma e espírito, juntas e medulas, e apta para discernir os pensamentos e propósitos do coração...”

O salmista escreve o salmo 19 de forma magistral, falando acerca da revelação de Deus. Dos versículos 1- 6, ele fala da revelação geral a natureza. Dos versículos 7 – 14, ele destaca a revelação especial: a palavra de Deus. Ele nos ensina algumas verdades que gostaria de destacar em poucas linhas:

1 – A palavra restaura a alma. “A lei do Senhor é perfeita e restaura a alma...”
A alma foi deformada, corrompida por causa do pecado. Quando Adão pecou, sua alma foi totalmente suja, depravada. Ele perdeu a comunhão com Deus. Como canta o poeta, meu amigo Luiz de Carvalho: “A minha alma estava longe do caminho do céu, eu era pobre e desprezível pecador, mas Jesus já transformou minhas trevas em luz, quando ele estendeu sua mão para mim...”
É através da Bíblia sagrada que temos comunhão com Deus e a nossa alma é restaurada. Porque a palavra vivifica, a palavra santifica, a palavra abençoa e purifica. O salmista diz: “Como purificará o mancebo o seu caminho? Observando conforme a tua palavra”. E acrescenta: “Escondi a tua palavra no meu coração, para não pecar contra Ti”.

2 – A palavra alegra o coração. “Os preceitos do Senhor são retos e alegram o coração” 
Quantas vezes nos encontramos entristecidos e desanimados, mas, quando lemos a palavra de Deus, ela produz alegria em nosso coração, nos motivando para enfrentarmos as lutas de cabeça erguida, sabendo que o Senhor está conosco.
Meu amado, minha amada, quer vencer a depressão e as tristezas da vida? Deixe o seu coração ser aspergido pela palavra de Deus e creia nas promessas santas contidas nas escrituras. O salmista diz: “O que me conforta na minha angustia é a tua palavra; ela me vivifica”. E o poeta canta: “Creio num Deus que pode tudo, que dá a luz a este mundo que faz a noite tão linda ser. Creio nesta verdade santa, quem está caído se levanta, pelas promessas santas da palavra de Deus. É forte como amor, é linda como a flor, mas pura do que uma taça de cristal, é doce como mel, nos fala lá do céu é a palavra santa do Senhor”.

3 – A palavra ilumina os olhos. ”O mandamento do Senhor é puro e ilumina os olhos”.

Quando leio a Bíblia sagrada e tomo posse das suas verdades, a minha mente é iluminada, pois a palavra me dá perspectiva do futuro, ela produz luz, dissipando as trevas e iluminando o meu caminho.

Concluindo: Leia a Bíblia, pois ela é a palavra de Deus, palavra viva, imutável, perfeita e verdadeira. Ela nunca está velha, ultrapassada, fora de contexto. É uma palavra atual, permanente e eterna.